SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

PAI E FILHO MORREM

PAI E FILHO MORREM NO MESMO DIA, MAS EM CIRCUNSTANCIA DIFERENTE

Uma situação triste, porém inusitada, ocorreu nesta terça-feira (28) quando pai e filho acabaram morrendo em circunstância e hora diferentes.
O idoso Manoel da Piedade dos Santos, de 76 anos de idade, faleceu pela manhã em decorrência de problemas de saúde que já vinha enfrentando a bastante tempo. À tarde, o marceneiro Constantino Almeida dos Santos, de 56 anos, filho do idoso, sofreu um AVC – Acidente Vascular Cerebral -, quando seguia pilotando sua motocicleta na companhia da esposa. Logo na frente estava o veículo que transportava o caixão com o corpo do pai, que seria velado e sepultado no município de Pirapemas, de onde são naturais.
Constantino se sentiu mal já nas proximidades daquele município e acabou caindo da motocicleta. Socorrido por populares, foi levado às pressas para o hospital municipal, onde veio a óbito.
Em vez de um, a família Santos agora vela os corpos de dois entes queridos. Ambos residiam em Bacabal, na rua Castelo Branco.


Sepultamento de pai e filho estava marcado para acontecer na manhã desta quarta-feira (29), em Pirapemas

Turiaçu: Após encontrar um verdadeiro “chiqueiro”,

Turiaçu: Após encontrar um verdadeiro “chiqueiro”, Justiça manda Prefeitura reformar Mercado Municipal

O Ministério Público do Maranhão, por meio da Promotoria de Justiça de Turiaçu, ajuizou, no dia 23, uma Ação Civil Pública contra o Município. A ação pede a reforma do mercado municipal conforme as normas técnicas de higiene, saneamento e fiscalização sanitária, no prazo de 90 dias, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.
De acordo com o titular da Promotoria, Thiago Lima Aguiar, foi apurado em procedimento administrativo a falta de estrutura física adequada, condições precárias de higiene, descaso do poder público e descumprimento dos direitos do consumidor. Ele explica, no documento, que as condições atuais do mercado municipal causam danos à saúde pública.
“São inúmeras reclamações colhidas na Promotoria, que relatam manuseio inadequado de alimentos, venda de peixes podres e a consequente contaminação”, afirma o promotor de justiça. “Além disso, foi constatada destinação inadequada dos resíduos sólidos e a presença de animais pelo mercado”.
Desse modo, o MPMA pede a reforma e adequação externa e interna do mercado municipal, com ampliação do espaço e construção de bancadas entre os vendedores; a aquisição de uma bomba de pressão para a limpeza do espaço; fiscalização das vendas e adequação aos parâmetros definidos no Código de Defesa do Consumidor.

A ação também requer o compromisso do Município em viabilizar o cadastramento e emissão de alvará aos vendedores, fiscalização da higiene e condições sanitárias, aumento do quadro de funcionários e oferecimento de cursos de capacitação.

ADEUS, QUERIDO:

ADEUS, QUERIDO: TEMER RECONHECE QUE NÃO TEM VOTOS PARA O GOLPE NO SENADO
Reportagem do Estadão, revela que o Palácio do Planalto tem apenas 38 votos pela cassação da presidente Dilma Rousseff. Para aprovar o impeachment, no entanto, são necessários 54 votos.
“Pela estimativa do Planalto, a cassação de Dilma está nas mãos de 15 senadores. Hoje, 38 se posicionam a favor do impedimento – são necessários 54. O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, se recusa a revelar a ‘estratégia’ para evitar a volta da petista”, diz um trecho da matéria assinada pelos jornalistas Pedro Venceslau e Valmar Hupsel Filho.
A matéria denuncia o balcão de negócio que virou o Planalto, que tenta cabalar votos entre os senadores indecisos.
Pelo andar da carruagem, ouviremos logo o slogan “adeus, querido” para o presidente interino Michel Temer (PMDB).
A dificuldade para aprovar o afastamento definitivo de Dilma ganhou dois novos ingredientes: 1- a perícia do Senado atesta que não houve pedalada fiscal; e 2- a presidente eleita convocará plebiscito para encurtar o próprio mandato e antecipar a eleição.


Homem comete duplo homicídio

Homem comete duplo homicídio ao desconfiar de traição da esposa com outra mulher
O crime foi na noite deste domingo (26), no RUC Laranjeiras e segundo testemunhas, o assassino, ao deixar o local ainda saiu avisando a vizinhança, que tinha matado duas pessoas é que chamassem a polícia, em seguida fugiu.
Sabendo que havia uma criança de colo na residência, vizinhos correram desesperados para a casa, encontraram duas mulheres mortas, uma no quarto e outra na sala, a criança um menino de 1 ano e quatro meses estava ilesa, deitada e dormindo em um berço.
A PM e o IML foram acionados já por volta das 23h, o autor do crime ainda tentou fugir sentido Brasil Novo, porém uma guarnição conseguiu interceptar e prender o autor confesso do crime, ele é Denildo Oliveira Andrade de 28 anos e já está à disposição da justiça, na Seccional Urbana de Altamira ele confessou o crime.
"Matei elas duas, usei uma faca só" disse Denildo.
O motivo do crime seria passional, uma traição por parte de Lucia Pereira, esposa do acusado, Eva Braga de 26 anos que também estava na casa foi assassina na sala ela era amiga de Lucia, ambas estavam despidas. O caso segue sob investigação da polícia civil da cidade.
Lucia é natural da cidade de Chapadinha no Maranhão, onde era dançarina de grupo um grupo de forró  
O RUC Laranjeiras é um dos 5 reassentamentos urbanos coletivos, construídos pela Norte Energia, onde moram famílias que antes ocuparam áreas de baixões e pontos onde foram afetados pelo lago da usina de Belo Monte.


Lava Jato

Lava Jato mira envolvimento de Cunha no caso de Furnas

A chamada "empresas paralelas", formadas por agentes privados e fundos públicos para gerir empreendimentos do ramo da energia estão no foco da Lava Jato. Segundo informações do jornal O Globo, esse tipo de negócio vinha crescendo sem normas de controle e de transparência. A constatação é do Tribunal de Contas da União (TCU).
O deputado afastado Eduardo Cunha é investigado por um dos casos, em que ele teria usado sua influência para incluir a estatal Furnas em uma Sociedade de Propósito Específico (SPE). A informação está em inquérito solicitado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no fim de abril. O pedido foi instaurado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).
O relatório do TCU aponta que havia falta de transparência na contração de prestadoras de serviços. As empreiteiras agora investigadas pela Operação Lava Jato foram contratadas nesse regime, se valendo de brechas de fiscalização.
Atualmente, há 179 SPEs com participação de empresas da Eletrobras. Em Furnas, entre 2011 e 2015, as SPEs da estatal movimentaram R$ 21,9 bi, de acordo com balanço de gestão da estatal; de 76 SPEs com participação de Furnas até o ano passado, 54 foi criada depois de 2011. Na Chesf (Companhia Hidrelétrica do São Francisco), os investimentos da companhia nesse tipo de sociedade aumentaram 801% de 2009 a 2014, de R$ 181 milhões para R$ 1,63 bilhão.


Obedece quem tem juízo:

Obedece quem tem juízo: ‘Homem de Temer’, ops, de Renan, está foragido da PF

O site de direita O Antagonista divulgou primeiro que Marcio André Mendes Costa, o homem de o interino Michel Temer (PMDB), não tinha sido localizado pela Polícia Federal e já era considerado foragido.
Dez minutos depois, após pressão do Palácio do Planalto, recuou e botou o rapaz responsável pelo desvio de R$ 90 milhões dos fundos Postalis e Petros no colo do senador Renan Calheiros (PMDB-AL).
‘Homem de Renan está foragido’, reescreveu o site.
Segundo o Antagonista, vai rolar até Inperpol na parada. Portanto, se cuide Temer, ops, Renan.

Resumo da ópera: o golpista enquadrou a “única” espera de jornalismo independente no país!

OLHA O BAFÃO!

OLHA O BAFÃO! PAULINHO DA FORÇA É ESCRACHADO DENTRO DO AVIÃO; ASSISTA AO VÍDEO

Paulinho da forca Eduardo Cunha a  vida não está nada fácil para os golpistas. O deputado Paulinho da Força (SD-SP) foi escrachado dentro de um avião, ontem (19) à noite, no trecho São Paulo-Brasília. Abaixo, assista ao vídeo:

O parlamentar não reagiu ao coro de “golpista, golpista, golpista!” e às palavras de ordem no coletivo aéreo. Foi o maior bafão!
A política de retrocessos do governo golpista e interino de Michel Temer (PMDB) bateu no limite da intolerância. Por isso a reação dos passageiros no voo noturno da Gol.
Além de conspirar contra as conquistas trabalhistas, Paulinho é da tropa de choque do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) na Câmara


CASO PC FARIAS,

CASO PC FARIAS, 20 ANOS DEPOIS NINGUÉM FOI CONDENADO PELO CRIME

Dois tiros sem nenhum autor. Dois mortos numa casa vigiada por quatro seguranças sem nenhum culpado.
O assassinato de Paulo César Cavalcante Farias e de Suzana Marcolino da Silva completa duas décadas na próxima quinta-feira (23) com a mesma pergunta sem resposta: "Quem matou PC Farias?".
Faz 20 anos que se busca uma solução para um crime que abalou a política brasileira nos anos 90 e que, desde o júri em 2013, foi reconhecido como duplo homicídio.
Até hoje, porém, não se sabe quem atirou no tesoureiro de campanha do ex-presidente Fernando Collor (1990-92). Nem se houve mandante para o assassinato da peça central do esquema de corrupção que levou ao primeiro impeachment do país, em 1992.
PC foi encontrado morto na manhã de 23 de junho de 1996 pelos seguranças. Vestindo pijama, estava na cama, ao lado da namorada, numa casa de praia em Guaxuma, litoral norte de Maceió. Cada um levara um tiro no peito.

EDUARDO CUNHA

EDUARDO CUNHA JÁ NÃO TEM “FIÉIS” SEGUIDORES E PODE RENUNCIAR NA TERÇA-FEIRA
O deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) corre o risco de não conseguir quórum que imaginava na reunião convocada por ele, na terça-feira (21), às 11 horas, no Hotel Nacional, em Brasília, quando deverá renunciar à presidência da Câmara para tentar seu mandato.
Os parlamentares e amigos que lhe juravam amor eterno antes, durante e depois do impeachment sumiram. Outrora, eles se orgulhavam quando identificados como sendo da tropa de choque de Cunha, mas agora tudo mudou.
Deputados que se diziam “fiéis” ao presidente afastado da Câmara fogem do ex-amigo como o diabo foge da Cruz. Coisa da política, que é ingrata, ou seja, pedindo licença poética a Otto Lara Resende, o político não é solidário nem no câncer.
Cunha sabe bem o que é traição, pois, na semana passada experimentou duas facas cravadas nas costas por dois “fiéis” deputados de sua tropa no Conselho de Ética: Tia Eron (PRB-BA) e Vladimir Costa (SD-PA).
A recomendação pela cassação de Cunha, antes do plenário, vai à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) – um colegiado de 66 membros (o Conselho de Ética tinha 21).
O parlamentar busca uma pena mais branda – que não a cassação — na CCJ cuja presidência é do aliado Osmar Serraglio (PMDB-PR).
A estratégia para salvar Cunha teria partido do Palácio do Planalto, mais precisamente do interino Michel Temer (PMDB).
Eduardo Cunha teme perder o mandato e cair nas garras do juiz federal Sérgio Moro, da Lava Jato, e, consequentemente, ser obrigado a mudar-se definitivamente para a “República de Curitiba”.
Por isso, dentro desse “pacote político” da renúncia, também não está descartada a delação premiada de Cunha. O deputado quer livrar a família – mulher e filha – do rigoroso inverno curitibano.
Resumo da ópera: Temer não deseja que seu correligionário passe frio na capital paranaense.


DIREITO DE RESPOSTA

DIREITO DE RESPOSTA AO INSTITUTO ACQUA
Nota para o blog Willian Redondo 
(O Blog  recebeu  uma denúncia de funcionários que:  ENVOLVENDO ESQUEMA ENTRE DEPUTADOS NO HOSPITAL MACRO-REGIONAL DE PINHEIRO.)





A diretoria do Hospital Regional da Baixada Maranhense Dr. Jackson Lago, por meio da assessoria de imprensa, informa que o processo seletivo para a contratação de equipe médica em radiologia para atuar na unidade foi realizado com total transparência e de acordo com os critérios técnicos estabelecidos em edital publicado no site do Instituto em 15 de abril deste ano.

Em relação ao tomógrafo, o mesmo está em pleno funcionamento. Para exemplificar, encaminhamos imagens feitas na tarde desta quinta-feira (16/6). Portanto, os exames estão sendo realizados normalmente.

Esclarecemos que a unidade está sob gestão do Instituto Acqua em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde do Maranhão e não atende interesses privados, mas preza pelo atendimento de qualidade aos moradores da Baixada Maranhense. Portanto, não há qualquer acordo político que possa influenciar no bom atendimento a esta população.

Desde sua inauguração, em setembro de 2015, o Hospital Regional realizou cerca de 115 mil serviços à população, entre os quais estão 1.015 cirurgias, distribuídas entre neurocirúrgicas, oftalmológicas, ortopédicas, pediátricas e gerais. No âmbito das consultas médicas foram 8.362 em cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, gastroenterologia, neurologia, oftalmologia, pediatria, ortopedia e traumatologia.

Só de consultas da equipe multidisciplinar de nível superior em psicologia, nutrição, fonoaudiologia, fisioterapia, serviços social, entre outras, foram 34.263 atendimentos. Já os procedimentos de apoio e diagnóstico em radiologia, ultrassonografia, tomografia, endoscopia, eletrocardiografia, exames citopatológicos e diagnósticos em oftalmologia, foram 10.257, aliados a 61.513 exames clínicos laboratoriais.


--
Rafael Brito
Instituto Acqua
Tel: 11 4823-1800 / 4825-2008
Cel: 11 99831-4195


Mulher é morta a tiros

Mulher é morta a tiros pelo namorado que dizia amar em uma frase escrita na parede do quarto


Mensagem de amor escrita na parede do quarto da vítima (no detalhe).
Antonio dos Santos Lopes Filho, 48 anos está sendo procurado pela polícia por ser apontado como a principal suspeita de ter assassinado sua namorada Elenice Silva Araújo, conhecida como Kely, 35 anos,  que residia na travessa Raimundo Carneiro, bairro São Raimundo, no município maranhense de Tuntum.
A vítima mantinha um relacionamento amoroso com o suspeito, que se desentendeu com ela durante uma conversa na porta de sua casa. No calor da discussão Antonio Filho teria feito o primeiro disparo em direção dos pés de Kely, que, apavorada, correu para dentro de casa.

Não satisfeito, Antonio Filho decidiu tirar a vida da namorada com um disparo que atingiu a vítima na altura da garganta. Após o crime, o suspeito empreendeu fuga utilizando uma motocicleta.

A polícia logo que foi acionada passou a procurar informações sobre o seu paradeiro e, de acordo com informações do sargento Teixeira, a guarnição foi dividida em dois grupos que fizeram barreiras nas rodovias estaduais próximas, porém, até o início da noite não havia logrado êxito.

Em duas das paredes do quarto de Kelly havia uma declaração de amor que, supostamente, foi feita pela vítima ao namorado: "Eu te amo muito Antônio".

Kely deixou dois filhos menores.


MINISTRO DA EDUCAÇÃO VAI PARA O PAREDÃO

MINISTRO DA EDUCAÇÃO VAI PARA O PAREDÃO DO “BIG GOLPE BRASIL” E PODERÁ SER A 4ª BAIXA DE TEMER
O ministro interino da Educação, Mendonça Filho (DEM-BA), como já era esperado, foi para o paredão do “Big Golpe Brasil” e poderá ser a quarta baixa no governo provisório de Michel Temer (PMDB).
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse que há indícios de recebimento de propina pelo ministro interino.
Janot pediu autorização ao Supremo para abrir procedimento de investigação contra Mendonça, que teria abiscoitado R$ 100 mil em propina disfarçados de doação na campanha de 2014.
Na prática, Mendonça Filho furou a fila do paredão. Há outros ministros que também estão a caminho do cadafalso, ou seja, da defenestração em virtude de ações criminais e/ou delações premiadas.
O ministro interino da Educação deverá disputar a preferência dos procuradores da Lava Jato com o também interino Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), ministro da Secretaria de Governo.


Em pouco mais de um mês, o golpista Temer já perdeu três ministros (Romero Jucá, do Planejamento; Fabiano Silveira, da Transparência; e Henrique Alves, do Turismo).

Luciano Genésio

Luciano Genésio lidera em Pinheiro, segundo Econométrica
Em números gerais, o resultado da pesquisa do Instituto Econométrica na maior cidade da baixada maranhense é o seguinte: Luciano Genésio lidera com 31,8%, Leonardo Sá tem 27%, Filuca aparece com 25,6% e Antônio Américo (PPS) tem 2,7%. Não votariam em nenhum deles 7,3% e outros 5,6% não souberam ou não responderam.
Rejeição
No aspecto rejeição, o atual prefeito Filuca Mendes lidera com sobra 47,6%; Luciano Genésio tem 18,5%;  Leonardo Sá tem 9,8% de rejeição e Antônio Américo 11,4%. Outros 12% não souberam ou não responderam.
Dados


A pesquisa foi realizada entre 06 e 07 de junho, ouviu 481 pessoas em 21 bairros da cidade e 10 povoados do município, registrada sob o número MA-06001/2016, no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. A margem de erro é de 4,3%.

Bomba! Bomba! Bomba! DENÚNCIA

Bomba! Bomba! Bomba! DENÚNCIA ENVOLVENDO ESQUEMA ENTRE DEPUTADOS NO HOSPITAL MACRO-REGIONAL DE PINHEIRO.

O Blog  recebeu  uma denúncia de funcionários que fizeram seletivo e estavam trabalhando no Hospital Macrorregional de Pinheiro.
A empresa DIO vencedora do contrato de Radiologia do Instituto Acqua, comandado pela irmã do Deputado Juscelino Filho, desde que assumiu o serviço, o hospital está sem Rx, Tomografia e ainda demitiu os técnicos de radiologia que passaram no seletivo, contratando outros quem não o fez. Esse acordo para a empresa vencer este lote foi feito entre Deputado Othelino e o Deputado Juscelino para garantir o partido DEM ao seu pré-candidato a Prefeito de Pinheiro Leonardo Sá, ex-diretor do Hospital, onde o mesmo usa a máquina pública em prol de sua campanha.      O mesmo quando era Diretor contratou 200 funcionários sem ter feito o seletivo através de vagas a ser preenchidas por excedentes, conforme denúncia já formalizada no MP e na Câmera Municipal de Pinheiro.


Cadê o Governador! Que se diz ser certinho.
A população de Pinheiro pede uma explicação para o caso, pois o hospital em poucos mês que foi inaugurado,  vem sofrendo as consequência de uma péssima administração pelos Diretores que se diz ser aliado do governador, em especial o Deputado Othelino Neto Vice-Presidente da Assembleia Legislativa muito aliado aos Governador Flávio Dino. 

PODER

PODER
Prefeitura de Penalva é denunciada por obras abandonadas
O dinheiro chegou, mas as construções nunca foram concluídas.
O abandono do Município de Penalva e o descaso da gestão municipal foi denunciado pelo pré-candidato Mesaque do Povo. A falta de responsabilidade e compromisso dos gestores têm ocasionado grandes prejuízos à população. Inúmeras obras inacabadas e milhões desviados de sua finalidade são notórios no Município.
“Tudo em Penalva é uma maquiagem, um fingimento. Começa-se uma obra e não termina. O dinheiro desaparece pelo ralo. O ralo da corrupção”, desabafou Mesaque.
O atual cenário de Penalva, segundo Mesaque, reflete a má-administração de pelo menos 20 anos. Muda-se o prefeito, mas a história se repete.Os recursos são desviados e as obras abandonadas.No Povoado São Joaquim, por exemplo, a obra de um posto de saúde nunca foi concluída.
Segundo o vereador, o recurso foi enviado pelo Governo do Estado, mas a Unidade Básica de Saúde nunca foi aparelhada, e hoje está totalmente depredada. “Se a Prefeitura trabalhasse junto com a comunidade estaria aí um bem para nós próprios”, disse um morador do Povoado.
Em Jatobá, outro Povoado de Penalva, a falta de gerência também é notória. A Prefeitura deu início à construção de um matadouro industrial, mas não o concluiu. Até hoje o Município não tem como controlar a origem da carne que consome.
O vereador também destaca o abandono da construção de uma unidade de saúde no Bairro Pirraceira. O local está totalmente depredado. Mais um exemplo de descaso com a população.
Penalva não possui nenhum sistema de abastecimento de água, muito menos de tratamento de esgoto. A população consome água de poços artesanais, considerada imprópria. Segundo o parlamentar, esse argumento foi usado para a elaboração do projeto de construção de um sistema de abastecimento de água, que nunca foi concluído. A obra localizada no Bairro São Pedro é outro exemplo de mau uso do dinheiro público.
“É lamentável a situação do povo penalvense. Este projeto.Esta subestação iria resolver o problema de milhares de pessoas na nossa cidade, onde a água é salobra e você pode observar tudo abandonado. Um descaso total com a população da nossa cidade. Uma caixa d’água com mais de 100 mil litros de capacidade está inoperante. A tubulação já está toda pronta. Infelizmente, o ralo da corrupção mais uma vez deixa sua marca na cidade de Penalva” ressaltou Mesaque do Povo.




BANCO CENTRAL MULTA CUNHA

BANCO CENTRAL MULTA CUNHA E MULHER EM R$ 1,13 MILHÃO
O Banco Central (BC) multou o presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, em R$ 1 milhão por manter contas não declaradas no exterior em 2007 e 2014. A esposa de Cunha, Claudia Cruz, também recebeu uma penalidade de R$ 132.486,55 no processo administrativo que tramita na autoridade monetária contra o casal.

Despacho da Procuradoria-Geral do BC determina que as informações sejam encaminhadas ao Conselho de Ética da Câmara, que decide hoje se caça ou não o mandato de Cunha. O documento também foi remetido para a Procuradoria-Geral da República (PGR), para o Supremo Tribunal Federal (STF) e à 13ª Vara Federal de Curitiba, que investiga se Claudia usufruiu da propina.
Cunha recorrerá ao Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional e argumenta que não há obrigatoriedade de declaração, pois a existência de “trusts” não implica a titularidade do patrimônio


CUNHA COGITA RENUNCIAR

CUNHA COGITA RENUNCIAR E FAZER DELAÇÃO ‘PARA SALVAR MULHER E FILHA’
Brasília arde em chamas na noite desta terça-feira (14), após o Conselho de Ética aprovar a cassação do mandato de Eduardo Cunha (PMDB) por 11 votos a 9. A expectativa no Congresso é que ele renuncie e faça delação para salvar a filha e a mulher, que é ré na Lava jato.
Segundo relato de parlamentares o próprio Cunha teria admitido em particular a renúncia. Para consumo externo, o presidente afastado tem garantido que lutará na próxima trincheira: a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), etapa anterior à votação da cassação em plenário da Câmara.
Nas últimas 48 horas, vieram à tona essa intenção de megadelação de Cunha. Ele já teria avisado que, se cair, levará 150 deputados, um senador, outro ministro e o próprio interino Michel Temer (PMDB).
O presidente da CCJ é seu aliado Osmar Serraglio (PMDB-PR).
Em abril, um dia depois da votação do impeachment de Dilma na Câmara, o parlamentar paranaense defendeu “anistia” para Cunha. Após a declaração de fidelidade, Serraglio “virou” presidente da poderosa CCJ.
“Eduardo Cunha exerceu um papel fundamental para aprovarmos o impeachment da presidente. Merece ser anistiado”, declarou na época.
Outrora imbatível, Eduardo Cunha passou de caçador a caça. Nesse momento pré-degola, somem os amigos. O primeiro a virar-lhe as costas foi o Palácio do Planalto

POR 11 VOTOS A 9,

POR 11 VOTOS A 9, CONSELHO DE ÉTICA APROVA CASSAÇÃO DE EDUARDO CUNHA
Depois de oito meses, finalmente o Conselho de Ética conseguiu concluir a votação do relatório que recomenda ao plenário a cassação do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).
A surpresa na votação foi o voto da deputada Tia Eron (PRB-BA), que vinha fazendo mistério sobre sua posição. Muitos contabilizavam ela como sendo do time de Cunha.
Outro que também “traiu” o presidente afastado foi o deputado Vladimir Costa (SD-PA).
Agora, o parecer do deputado Marcos Rogério (DEM-RO) para a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) antes de seguir da apreciação pelo plenário da Casa.
Se tiver o mandato cassado, Cunha perderá o foro privilegiado e ele poderá ir para cadeia em virtude das denúncias


LEWANDOWSKI OBRIGA COMISSÃO

LEWANDOWSKI OBRIGA COMISSÃO DO GOLPE NO SENADO PERICIAR DOCUMENTOS CONTRA DILMA
O ministro do Supremo, Ricardo Lewandowski, acatou ontem à noite recurso da defesa da presidente eleita Dilma Rousseff que pede perícia nos decretos que originaram o processo de impeachment. A decisão é um duro golpe no interino Michel Temer (PMDB), pois a produção de provas poderá corroborar a tese segunda qual o afastamento da presidente é um golpe de Estado.
Embora o STF tenha tido esse pontual lampejo legalista, também ontem o ministro Teori Zavascki mostrou que a corte representa uma desigualdade na luta de Dilma. Ao enviar o inquérito contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à primeira instância o Supremo faz um truque para garantir o golpe final no Senado.
Abaixo, leia a matéria da Agência Senado:
Lewandowski defere recurso da defesa e documentos do Impeachment terão perícia de técnicos do Senado
A Comissão Especial do Impeachment promoverá perícia sobre os documentos referentes à denúncia contra a presidente afastada Dilma Rousseff. O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, acatou recurso de senadores da oposição e determinou a realização da perícia solicitada pela defesa para produção de provas. Uma junta de três técnicos do Senado será responsável pelo procedimento, que terá prazo de 10 dias.
A perícia estudará os quatro decretos orçamentários e os repasses para o Plano Safra, todos do ano de 2015, que são objeto do julgamento da comissão. Os senadores membros terão 48 horas para protocolar os elementos que queiram ver analisados pela perícia e para indicarem peritos assistentes. A partir dessa definição, a junta terá o prazo de 10 dias para concluir o trabalho.
O grupo deverá ser formado pelos consultores Diego Prandino Alves e João Henrique Pederiva, da Consultoria de Orçamentos, Fiscalização e Controle, e por Fernando Álvaro Leão Rincon, diretor da Secretaria de Finanças, Orçamento e Contabilidade do Senado. Diego Brandino Alves foi indicado coordenador da junta pericial. O presidente da Comissão, Raimundo Lira (PMDB-PB), determinou que os senadores terão 24 horas para avaliar se há suspeição de algum dos peritos designados.
A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) comemorou a decisão de Lewandowski e lembrou que o Senado já emitiu parecer técnico que contesta a análise do Tribunal de Contas da União (TCU) sobre os fatos julgados pela Comissão do Impeachment. O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) disse que a decisão demonstra “sensibilidade”, e também pediu um prazo adicional de 24 horas para verificar a compatibilidade dos peritos escolhidos pela presidência da comissão.
O senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) disse que aceita a decisão, mas pediu que as deliberações da comissão sejam respeitadas e o cronograma de trabalho seja seguido. O senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) alertou que o momento do país exige que a comissão dê andamento célere às decisões, respeitando o devido processo legal.
Indeferimentos
Lewandowski ainda indeferiu outros dois recursos. Um deles, de Caiado, argumentava que o presidente do STF não deveria decidir sobre questões de mérito do processo de impeachment. Lewandowski respondeu que seu papel é afastar possíveis nulidades independentemente de sua natureza. O segundo recurso, dos autores da acusação, contestava o prazo dado à defesa para que substituísse testemunhas. Lewandowski entendeu que essa foi uma decisão do colegiado que deveria ser respeitada.

MARANHÃO É AUTORIZADO

MARANHÃO É AUTORIZADO A EXPORTAR CARNE BOVINA PARA UNIÃO EUROPEIA


O Maranhão está entre estados que acabam de ser incluídos entre as unidades da federação autorizadas a fornecer à União Europeia (UE) carne bovina para a fabricação de produtos industrializados. O número de estados aumentou de nove para 23.
Isso significa que os produtores poderão agora comercializar bois para os 77 frigoríficos brasileiros que são habilitados a exportar para o bloco. Pelo status atual, as plantas frigoríficas devem cumprir exigências da União Europeia para estabelecer essa relação comercial. Os frigoríficos do estado precisam trabalhar essa habilitação para ter acesso a mais esse mercado.

Para o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Márcio Honaiser, “a aceitação do status do Maranhão por um mercado tão exigente quanto a União Europeia significa que estamos no caminho certo, que os esforços de produtores e do governo estadual vem contribuindo para que o nosso gado conquiste cada vez mais espaço no mercado internacional, seja vivo ou beneficiado”.

Exportação de bois pelo Maranhão

Com o início da operação de carga viva pelo Porto do Itaqui em 2015, já foram exportadas mais de 11 mil cabeças de gado maranhense para o Líbano e Venezuela. A operação gerou recursos na ordem de R$ 42 milhões para pequenos e médios produtores do Maranhão, apenas no primeiro quadrimestre de 2016.

Ao todo, entre gado maranhense e paraense, foram embarcadas 27 mil cabeças nos primeiros quatro meses de 2016. A tendência é de crescimento, uma vez que o Porto do Itaqui vem se consolidando como o porto preferencial da região Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), responsável pela produção de 120 milhões de cabeças de gado, mais de 50% de toda a produção de gado nacional.


Polícia apreende cerca de 250

Polícia apreende cerca de 250 kg de maconha no Maranhão
Uma operação realizada entre as Polícias Militar e Civil apreendeu  na região do Vale do Pindaré, cerca de 250 kg de maconha que estava sendo transportada em um veículo de passeio entre os municípios de Monção e Igarapé do Meio.

Três homens, ainda não reconhecidos, que estavam no carro com o material apreendido fugiram, mas os policiais conseguiram localizar e prender o dono do veículo identificado como José Ribamar da Conceição Sousa Filho, também conhecido como “Biá”. Ele é suspeito de ser o proprietário da droga apreendida.



Segundo os policiais, a droga estava dividida em aproximadamente 200 tabletes. Além da maconha prensada, as Polícias Civil e Militar também apreenderam uma sacola com maconha misturada com sementes.

Para procurador,

Para procurador, áudios de Sarney revelam plano para acabar com a Lava Jato
O procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato, em Curitiba, disse ser “possível e até provável” que as investigações do maior escândalo de corrupção do país acabem. “Quem conspira contra ela são pessoas que estão dentre as mais poderosas e influentes da República”, afirmou.
Dallagnol disse que as conversas gravadas pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado com o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), o ex-presidente José Sarney (AP) e o senador e ex-ministro do Planejamento Romero Jucá (RR), todos da cúpula do PMDB, expuseram uma trama para “acabar com a Lava Jato”.
“Esses planos seriam meras especulações se não tivessem sido tratados pelo presidente do Congresso Nacional”, disse o procurador. As informações são do jornal “O Estado de S. Paulo”.
Pergunta – Os áudios do delator Sérgio Machado tornados públicos pela imprensa mais uma vez revelam movimentos para tentar interferir nos andamentos da Operação Lava Jato. As investigações correm algum risco?

Dallagnol – As investigações aproximaram-se de pessoas com poder econômico ou político acostumadas com a impunidade. É natural que elas reajam. Há evidências de diferentes tipos de contra-ataques do sistema corrupto: destruição de provas, criação de dossiês, agressão moral por meio de notas na imprensa ou de trechos de relatório de CPI, repetição insistente de um discurso que aponta supostos abusos jamais comprovados, tentativas de interferência no Judiciário e, mais recentemente, o oferecimento de propostas legislativas para barrar a investigação, como a MP da leniência (medida provisória que altera as regras para celebração de acordos entre empresas envolvidas em corrupção e o poder público). Tramas para abafar a Lava Jato apareceram inclusive nos áudios que vieram a público recentemente. A Lava Jato só sobreviveu até hoje porque a sociedade é seu escudo

Valor pago pelos brasileiros

Valor pago pelos brasileiros em impostos supera a marca de R$ 900 bilhões, indica Impostômetro

Enquanto muito brasileiro joga, semanalmente, na loteria federal na esperança de ganhar alguns milhões para resolver seus problemas financeiros, o governo já arrecadou R$ 900 bilhões em impostos. A marca registrada pelo Impostômetro, de 1.º de janeiro até esta segunda-feira, 13 de junho, sinaliza o quanto já foi pago pela população em impostos, taxas e contribuições. Se dividir o montante pela população total é como se cada um tivesse tirado R$ 4.339,49 do bolso e entregado para o poder público, segundo cálculo feito pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) para usar de exemplo.
O valor foi calculado por meio de mecanismo criado pela Associação Comercial de São Paulo, em 2005. Segundo a associação, com esse valor, seria possível construir mais de 25,7 milhões de casas populares de 40 metros quadrados, por exemplo. Também poderia edificar mais de 9,7 milhões de quilômetros de redes de esgoto, mais de 3,1 milhões de postos de saúde equipados e fornecer cestas básicas para toda a população brasileira durante 15 meses.
Em 2015, a mesma cifra foi alcançada em junho, no dia 9, e até o final do ano mais de R$ 2 trilhões foram pagos em impostos no Brasil. A época, a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos fez uma ilustração indicando que em toda a Via Láctea existem cerca de 300 bilhões de estrelas. Isso significa que, até agora, já foi tirado do povo brasileiro, em dinheiro, três vezes mais que a quantidade de estrelas no universo.

De acordo com o presidente da associação e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Alencar Burti, o impacto dos números é ainda maior pelo fato de o país está em forte recessão. “A população brasileira já paga tributos. Apoiamos os ajustes propostos pelo governo, mas ponderamos que é impossível cogitar qualquer ideia de aumento de impostos agora: isso aprofundaria a crise”, disse.

TEORI LIBERA PARA

TEORI LIBERA PARA JULGAMENTO SEGUNDA DENÚNCIA CONTRA EDUARDO CUNHA
O ministro Teori Zavascki, relator da Operação Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), liberou para julgamento a segunda denúncia contra o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Ele é acusado de manter contas secretas na Suíça abastecidas por dinheiro desviado do esquema de corrupção da Petrobras.
Segundo o Broadcast apurou, o mais provável é que o caso seja levado a plenário no dia 23 de junho. Também serão julgados recursos que pedem para que a mulher de Cunha, Cláudia Cruz, e a filha Danielle Dytz sejam julgadas pelo STF, e não pelo juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava-Jato na Justiça de 1ª instância, em Curitiba.
A liberação para a pauta aconteceu na quinta-feira(9/6), no mesmo dia em que Moro aceitou a denúncia contra Cláudia e a transformou em ré – já que uma das contas na Suíça está no nome dela.
A denúncia contra Cunha foi oferecida ao STF pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, em março. O parlamentar é acusado da prática dos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e evasão de divisas. Também em março, o peemedebista se tornou réu no processo que apura se ele recebeu propina por contratos de navios-sonda da Petrobras.

Cunha ainda responde a pelo menos outros quatro processos no STF, um deles sobre a sua participação no esquema de corrupção de Furnas. A defesa do parlamentar tem sustentado que não há provas materiais de que o peemedebista tenha contas no exterior.

CÚPULA DO PMDB, INCLUINDO SARNEY,

CÚPULA DO PMDB, INCLUINDO SARNEY, TERIA RECEBIDO MAIS DE R$ 200 MILHÕES EM PROPINA
Propinas relatadas por sete colaboradores da Operação Lava-Jato com destino ao quarteto do PMDB que o Ministério Público quer ver na cadeia superam os R$ 200 milhões, de acordo com levantamento do Correio. Os valores, parte deles convertida na cotação do dólar de quarta-feira, não incluem correção monetária. Se tudo o que disseram é verdade, o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), é o campeão dos pixulecos, à frente do ex-presidente José Sarney (AP), do deputado Eduardo Cunha (RJ) e do ex-ministro e senador Romero Jucá (RR).
Foram analisados depoimentos de dez pessoas dentre os mais de 60 acordos de colaboração premiada de leniência: os ex-diretores da Petrobras Paulo Roberto Costa e Nestor Cerveró, o ex-senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS), o empreiteiro da UTC Engenharia Ricardo Pessoa, os executivos da Andrade Gutierrez Otávio Azevedo e Flávio Machado, o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, os lobistas Fernando “Baiano” Soares e Júlio Camargo, e o entregador de dinheiro Carlos “Ceará” Souza.
Segundo o relato de sete deles, Renan recebeu R$ 96,7 milhões em propinas. Desse valor, R$ 33 milhões foram diretamente para ele. Uma parcela de mais R$ 63,7 milhões foi compartilhada com outros políticos, mas os colaboradores não explicam qual a parte de cada um.
Eduardo Cunha teria recebido R$ 61,8 milhões, pela narrativa de quatro acusadores. Sarney, R$ 30 milhões, segundo o relato de Sérgio Machado. Sozinho, Romero Jucá seria destinatário de R$ 21,5 milhões e ainda teria compartilhado parte de um repasse de R$ 30 milhões, a ser dividido com outros colegas do partido e do PT.
Os corruptores indicados são a empreiteira UTC Engenheira, a Andrade Gutierrez, o lobista do estaleiro Samsung Júlio Camargo e o banqueiro André Esteves, do BTG Pactual — este nega a acusação de pagar R$ 45 milhões a Eduardo Cunha por uma emenda à Medida Provisória 608. A empreiteira Serveng é apontada como fonte propinas para Renan, mas Paulo Roberto Costa não informa eventuais valores.
Executivo da Andrade Gutierrez, Otávio Azevedo disse, sem citar nomes, que o PMDB recebeu 0,5% dos contratos do consórcio que lidera na usina de Belo Monte, no Pará. Delcídio do Amaral disse que R$ 30 milhões em subornos foram destinados a Renan, Jucá, Jader Barbalho (PA), Valdir Raupp (RO) e os ex-ministros das Minas Energia Edison Lobão e Silas Rondeau, além da campanha do PT.
Em Angra 3, a negociação começou em 3% para os peemedebistas, de acordo com Flávio Machado, executivo da Andrade, a fim de beneficiar Jucá e Lobão. Outro executivo, Flávio David Barra, contou que o ex-ministro do Planejamento recebeu propina em forma de doações eleitorais. Informação semelhante foi prestada por Ricardo Pessoa. Segundo ele, dos contratos da UCT em Angra, retirou R$ 1 milhão para a campanha do filho de Renan, o governador de Alagoas, Renan Filho, e R$ 1,5 milhão para a campanha de Jucá.
Jucá esquivou-se de comentar o pedido de prisão e as acusações de propina. “Não posso me manifestar sobre algo que não sei”, disse o senador. A assessoria de Renan negou que ele tenha recebido subornos e criticou as acusações, consideradas sem provas por ele. “O senador reafirma que jamais recebeu vantagens de qualquer pessoa e reitera que delações não confirmadas deveriam servir para agravar a pena dos autores e não livrá-los da cadeia”. Por meio de assessoria, Sarney se disse “perplexo, indignado e revoltado” com o pedido de sua prisão. “Jamais agi para obstruir a Justiça. Sempre a prestigiei e fortaleci”. O deputado Eduardo Cunha não prestou esclarecimentos. Na quarta-feira, ele disse que o pedido de prisão contra ele lhe causava “estranheza”.