SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

MP CONSEGUE BLOQUEAR RECURSOS DA REPATRIAÇÃO DE 17 MUNICÍPIOS

Atendendo a pedido do Ministério Público do Maranhão (MP/MA), o Poder Judiciário determinou, nesta semana, o bloqueio dos recursos referentes à repatriação de dinheiro não declarado no exterior em 17 municípios. As ações inibitórias com pedido de tutela de urgência antecedente foram ajuizadas como parte da ação institucional “A cidade não pode parar: campanha pela transparência na transição municipal”.
O acesso dos atuais gestores ao repasse do governo federal foi bloqueado em Pindaré-Mirim, Tufilândia, Barreirinhas, Santa Inês, Olho d’Água das Cunhãs, Pio XII, São Vicente Férrer, Cajapió, São João Batista, Vitória do Mearim, Viana, Cajari, Brejo, Anapurus, Matões do Norte, Cantanhede e Matinha.
A Justiça também emitiu notificação aos gerentes do Banco do Brasil responsáveis pelas contas dos municípios para impedir a movimentação financeira dos recursos sem prévia autorização legislativa.
Além das ações ajuizadas pelos promotores de justiça, o MPMA fez representações ao Tribunal de Contas da União (TCU), Procuradoria Geral da República, Ministério Público de Contas que atua junto Tribunal de Contas do Estado (TCE) do Maranhão, além de encaminhar ofício à Procuradoria da República no Maranhão.
O TCU concedeu medida liminar, na quarta-feira, 28, proibindo o governo federal de antecipar o repasse dos recursos referentes à multa de repatriação de dinheiro. Entretanto, nesta quinta-feira, 29, o ministro Raimundo Carreiro acatou recurso da Advocacia-Geral da União e liberou o repasse.
Em tempo: o caso de Pinheiro, já destacado pelo Blog, não foi um pedido do Ministério Público, mas sim do próprio prefeito eleito de Pinheiro, Luciano Genésio.

LIMINARMENTE: Zé Vieira é diplomado e tomará posse como prefeito de Bacabal neste domingo (1º)

Zé Vieira (PP) esteve na tarde desta sexta-feira (30) no Cartório Eleitoral de Bacabal acompanhado de Florêncio Neto (PHS) para tornar ciente a decisão liminar do Tribunal Superior Eleitoral que lhe permite tomar posse como prefeito.

Já manhã deste sábado (31) os dois foram diplomados.

A solenidade de posse deles, assim como dos vereadores eleitos, será realizada neste domingo (1º), às 10 horas, na casa de eventos Real Place, na rua Frederico Leda, em frente ao prédio da Justiça Federal.

Homem morre em mais um acidente grave no Campo de Peris, na BR-135

O homem identificado como José Ribamar Araújo Freitas, de 39 anos, morreu por volta de 16h30 desta sexta-feira (30), em acidente no Campo de Peris, na BR-135.

A vítima dirigia o veículo Golf, placa NXJ-6025/MA, que colidiu de frente com um Caminhão VW 24250, placa MML-9229/MG. Com a batida, o motorista do golf foi arremessado contra o para-brisa. José seguia para a capital, São Luís.

Por conta do acidente, o trânsito está fluindo por uma das vias de piçarra da obra de duplicação da BR.

De acordo com a equipe da PRF, que atendeu a ocorrência, o veículo Golf realizava ultrapassagem pelo acostamento, onde a brita é solta, e derrapou ao retornar para a pista. Desgovernado, colidiu frontalmente com o caminhão que seguia no sentido contrário.

O motorista do caminhão sofreu apenas escoriações leves. É mais uma vítima da incompetência do governo federal que não consegue concluir a obra de duplicação, no trecho entre o Estreito dos Mosquitos e a cidade de Bacabeira.

O Campo de Peris é o trecho da BR-135 onde ocorrem mais acidentes com mortes.

Flávio Dino está entre os três governadores mais atuantes do Brasil; 41% das propostas já foram cumpridas


O governador Flávio Dino elevou o Maranhão ao posto de 3º estado do País que mais cumpriu o programa de gestão, apresentado durante as eleições de 2014. Os dados foram revelados pelo levantamento anual realizado pelo portal de notícias G1, que acompanha o cumprimento de promessas de campanha dos 27 governadores eleitos. Além disso, o Maranhão também o estado que figura com maior número de propostas “em andamento”, ou seja, que ainda não foram totalmente cumpridas, mas que já estão sendo executadas.

Pela avaliação do site, em 2 anos de gestão, o governador Flávio Dino já cumpriu uma média de 41% do total de suas propostas de governo. Acima do Maranhão estão os estados Goiás, com 43% e São Paulo, com 44%. Já quando a análise se baseia em total ou parcialmente, o percentual chega a 79% de acordo com levantamento do G1.

A análise do portal de notícias baseia nos temas: administração, direitos humanos e sociais, economia, educação e cultura, habitação, infraestrutura, meio ambiente e agronegócio, mobilidade urbana, saúde, segurança pública e transparência.

“É muito bom poder chegar à metade do mandato com credibilidade, com o governo sendo bem avaliado, com obras e programas sendo executados, com bons resultados para o Maranhão”, destaca o governador Flávio Dino.

Educação

Na área de educação, as propostas integralmente cumpridas antes dos dois anos de gestão foi a criação de um currículo estruturado na rede pública de educação, e a implantação de um programa de educação do campo, que hoje já atende 38 municípios da seguinte forma: duas escolas de Ensino Médio Integrado à Educação Profissional contemplando 208 estudantes; 350 estudantes atendidos pelo Projovem Campo Saberes da Terra com qualificação profissional e social com foco na Agricultura Familiar; prestação de apoio Financeiro a 19 Casas Familiares Rurais CFRs e 19 Escolas Família Agrícola EFAs, contemplando 2.248 estudantes.

Entre os destaques do programa da atual gestão, está a instituição do Programa de Assistência Técnicas aos Municípios, e a implantação do Programa Bolsa Escola (Mais Bolsa Família), que já beneficiou mais de 1 milhão de crianças e adolescentes, de 4 a 17 anos de idade, cadastrados no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico). Após reajuste de 12,5% no valor do benefício, cada estudante passa a receber R$ 51, sempre no mês de janeiro, para compra de material escolar nas lojas credenciadas ao Bolsa Escola.

O portal também informou que no Programa Brasil Alfabetizado foram alfabetizados, em 2016, 20.264 pessoas. No Programa ‘Sim, eu Posso’, foram 9.338 alunos. Os dois programas são parte das ações em regime de colaboração com os municípios – foco do plano ‘Mais IDH’. O governo iniciou também a mobilização pela alfabetização de jovens, adultos e idosos no primeiro ano de governo. No Brasil Alfabetizado, há uma parceria com o governo federal; no Sim, Eu Posso, há convênio firmado entre Estado, Universidade Estadual do Maranhão (Uema) e Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

Direitos e cidadania

Foi destaque a criação do ‘CHN Jovem’ em 2015. A segunda edição foi lançada em 2016, e, no segundo semestre do ano, garantiu vagas para 3 mil jovens. O ‘CNH Jovem’ beneficiou estudantes de até 21 anos, que fizeram todo o ensino médio em escolas públicas, com a gratuidade para obtenção da 1ª Carteira Nacional de Habilitação, nas categorias A, B ou AB.

Também fazia parte do programa de Governo a criação da Secretaria de Agricultura Familar (SAF), instituída e criada em janeiro de 2015. Paralelamente a isso, o Governo reestruturou o sistema administrativo de apoio e assistência técnica à agricultura familiar, empossando o novo presidente do Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma) e outros dirigentes. O Iterma é responsável pela política fundiária e desenvolve ações de arrecadação e titulação de terras públicas, atuando na solução de conflitos fundiários e na criação e acompanhamento de projetos de assentamento. E as ações já executadas até agora beneficiam mais de 2 milhões de agricultores do estado.

Tecnologia e Inovação

Outra promessa cumprida pela gestão foi a criação do Programa ‘Inova Maranhão’, realizado pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), que atualmente possui 12 projetos selecionados por meio de edital da Fundação de Amparo à Pesquisa e Desenvolvimento Científico do Maranhão (Fapema) que já estão em fase de pré-aceleração. Lançado em junho de 2016, o programa já viabilizou a realização de três eventos voltados para o fomento de startups (empresas iniciantes de pequeno porte do ramo da tecnologia), sendo duas na capital, São Luís, e uma em Imperatriz.

Em pleno andamento, o Inova Maranhão deverá lançar em 2017 um edital da Fapema que apoiará o desenvolvimento de novas startups. Cabe ainda ressaltar o convênio firmado entre a Secti e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) que viabilizará uso compartilhado do laboratório aberto do Senai – unidade localizada no Distrito Industrial de São Luís.

Gestão e transparência

Mais um avanço destacado pela gestão do governador Flávio Dino foi a criação das Secretaria de Transparência e Controle. Instituída pelo governador no primeiro dia de mandato, se tornou o órgão central do Sistema de Controle Interno, sucedendo a Controladoria-Geral do Estado.

Em quase dois anos, com as políticas de transparência e controle desenvolvidas pela STC, o Maranhão conquistou o primeiro lugar, com nota 10, na Escala Brasil Transparente (EBT) da Corregedoria Geral da União (CGU) – atual Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle –, quanto ao cumprimento da Lei de Acesso à Informação (LAI).

O Maranhão também passou a figurar entre os dez estados mais transparentes, de acordo com o Ranking Nacional dos Portais da Transparência elaborado pelo Ministério Público Federal (MPF). O novo ranking foi criado com a finalidade de avaliar todos os estados brasileiros quanto à transparência nas atividades estatais como instrumento de controle social dos gastos públicos. O Maranhão conquistou nota 8,5, apresentando excelentes índices de transparência.

Incentivos fiscais

Outra proposta da gestão foi a ampliação do benefício fiscal de dispensa parcial do pagamento do saldo devedor do ICMS. Em outubro de 2015, a Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou o projeto de lei de autoria do governador, que aumenta a alíquota do Imposto de Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS) para as operações de importação, exportação e transportes no Maranhão.

Segurança

Na área de segurança, o programa de governo de Flávio Dino previa a criação do ‘Pacto pela Paz’. O programa foi implantado. A Lei do Pacto foi aprovada pela Assembleia Legislativa, sancionada e publicada.

O Gabinete de Gestão Integrada (que faz parte do Pacto), uma das exigências da lei, está em funcionamento há mais de um ano. Já em vigor, o Pacto tem como viés o trabalho conjunto para, além da segurança, contribuir na construção de políticas públicas na Educação, Saúde, Infraestrutura, Assistência Social e Saneamento – com fins a prevenção de situações de risco.

Na capital, esse trabalho foi intensificado com a descentralização da Superintendência da capital em quatro seccionais de Polícia Civil, cuja competência é dividida entre as quatro áreas da Região Metropolitana (Norte, Sul, Leste e Oeste), segundo as determinações da SSP-MA, para que tais regiões sejam idênticas às da Polícia Militar em abrangência territorial

Eleição da Câmara vira caso de polícia em Bacabal

Na foto, vemos o vereador Joãozinho ladeado à esquerda pelo empresário Fabilson ( partido Solidariedade) e pelo apresentador Tony Silva. 
Vereadores deverão ficar em isolamento até o dia da posse
O processo para eleição da Mesa Diretora da Câmara de Bacabal tornou-se turvo nesta sexta-feira (30) e virou caso de polícia.
Desde ontem pelo menos 9 vereadores estão mantidos em regime de quase total incomunicabilidade em algum ponto do Maranhão. Os vereadores são eleitores do candidato que representa o grupo do senador João Alberto.
O desaparecimento de um deles foi comunicado à polícia pela própria mãe. A senhora Maria da Cruz Rodrigues registrou Boletim de Ocorrência dando conta de que seu filho, o recém-eleito João da Cruz Rodrigues, tem paradeiro não sabido.
Segundo a mãe de Joãozinho Algodãozinho (partido Solidariedade), ele saiu de casa na quinta-feira e não se sabe do seu paradeiro. Hoje foi veiculada na emissora do deputado Roberto Costa uma matéria que apresenta uma entrevista com Joãozinho Algodãozinho declarando apoio ao candidato do grupo de João Alberto.
Falta de confiança foi o motivo do isolamento
Na matéria, Joãozinho aparece com os demais vereadores que garantem o voto em Edvan Brandão, candidato de João Alberto. A decisão de isolar os vereadores das próprias famílias foi por pura falta de confiança. Essa prática não é nova quando se trata de eleição de Câmara e João Alberto resolveu recorrer a ela por não ter confiança nos seus vereadores e evitar que os mesmos mudem de opinião antes da eleição que será realizada na manhã de domingo, logo após a posse.
O que estranha é que o Senador e o deputado Roberto Costa não tenham permitido nem a saída dos vereadores do próprio grupo político. No isolamento estão cinco vereadores do PMDB. Segundo uma fonte do Blog, um dos que estão isolados conseguiu mandar uma mensagem de celular afirmando que nao concordou em passar o reveillon longe da família e que está triste com a situação.
Candidato a vice de Roberto Costa é acusado por apresentador de TV
Um outro fato registrado hoje foi o do apresentador de televisão Tony Silva. Assessor do vereadore Joãozinho Algodãozinho, Tony afirmou em depoimento na delegacia de policia que recebeu dinheiro de Almir Júnior, candidato a vice-prefeito na chapa de Roberto Costa, para influenciar no voto do vereador Joãozinho.
O apresentador entregou R$ 15 mil reais na delegacia, o que segundo ele, seria a sua comissão por ter doutrinado Joãozinho Algodãozinho a votar em Edvan Brandão. O delegado instaurou inquérito para apurar o caso e deve ouvir os outros envolvidos.



O Banco do Brasil só poderá efetuar a transferência do dinheiro a partir do dia 2 de janeiro de 2017, primeiro dia útil do ano.

Resultado de imagem para tcu maranhão

MEDIDA CAUTELAR DO TCU IMPEDE ANTECIPAÇÃO DE REPASSE DA REPATRIAÇÃO AOS MUNICÍPIOS


A pedido do Ministério Público do Maranhão (MPMA), o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Raimundo Carreiro concedeu medida cautelar, nesta quarta-feira, 28, proibindo o Governo Federal de antecipar os recursos referentes à multa de repatriação de dinheiro não declarado no exterior.

O Banco do Brasil só poderá efetuar a transferência do dinheiro a partir do dia 2 de janeiro de 2017, primeiro dia útil do ano.

O procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, formulou, na segunda-feira, 26, representação ao presidente do TCU pedindo o ajuizamento de medidas cautelares a fim de evitar que os recursos fossem movimentados pelos atuais gestores e serem empregados na próxima administração, mediante autorização legislativa, evitando prejuízos aos cofres públicos.

O chefe do MPMA também adotou uma série de medidas, no âmbito federal e estadual, como parte da ação institucional “A cidade não pode parar: campanha pela transparência na transição municipal”.

“O nosso esforço é para garantir que esses recursos sejam aplicados corretamente nos municípios maranhenses e haja uma transição transparente para a próxima gestão municipal”, afirmou o procurador-geral de justiça.

O TCU ordenou que o Banco do Brasil seja notificado da decisão e que comunique aos gerentes de agências, em prazo de 24 horas, da impossibilidade de qualquer movimentação ou pagamento às prefeituras antes da data fixada e do cumprimento, pelos gestores municipais, de formalidades previstas nas leis orçamentárias

No plantão do TSE, Ministro Gilmar Mendes manda empossar Zé Vieira prefeito em Bacabal

O Presidente do TSE – Tribunal Superior Eleitoral, Ministro Gilmar Mendes, deferiu liminar durante o plantão desta quinta-feira (29) em favor de Zé Vieira (PP), candidato a prefeito que obteve a maioria dos votos na cidade de Bacabal nas eleições deste ano.
A decisão tem caráter provisoriamente, e portanto, tem validade até que o Plenário do TSE jugue o recurso sobre o registro de candidatura do progressista perante a Justiça Eleitoral.
“Por outro lado, neste juízo provisório, parece me prudente aguardar a decisão do Plenário do TSE sobre o caso concreto, pois, além de existir duvida razoável quanto ao enquadramento da alínea I, no âmbito deste próprio Tribunal, as eleições suplementares somente serão realizadas quando o TSE confirmar o indeferimento de registro de candidatura, fazendo da assunção sempre precária do presidente da câmara de vereadores verdadeira assunção com contornos de definitividade, o que não se coaduna com o princípio democrático. Conforme advertia o Ministro Sepúlveda Pertence, a subtração ao titular, ainda que parcial, do conteúdo do exercício de um mandato político é, por si mesma, um dano irreparável”, argumentou na decisão o Ministro.
E por fim, Gilmar Mendes decidiu: “Ante o exposto, defiro o pedido de liminar para atribuir eleito suspensivo ativo ao REspe nº187-25/MA, até o julgamento pelo plenário do TSE”.
Diante da liminar em Brasília, o presidente da Câmara de Vereadores a ser eleito no próximo dia 1º fica impedido de assumir a cadeira maior do executivo municipal.
Antes de ser empossado, Zé precisa ser diplomado, e para isso, advogados agora correm cobram agilidade do TRE-MA visando recebimento do diplomada nas próximas 72 horas.

Então, quem come mais? Michel Temer ou Roseana Sarney? E quem come mais dinheiro público dos dois?


As comilanças intergalácticas de Michel Temer e Roseana Sarney

Enquanto, em vários estados do país, multidões desesperadas viviam o pior Natal de suas vidas, o senhor Michel Temer tascava nos costados de desempregados, subempregados e funcionários famintos licitação no valor de 1 milhão, 750 mil reais para que seus convivas consumissem iguarias e acepipes no avião presidencial.

Enquanto, no janeiro de 2014, o Maranhão calculava 60 presos mortos no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, no ano anterior, com direito ao sangrento festival de horror das cabeças cortadas, Roseana Sarney abria pregão para a compra de 80 Kg de lagostas e 1,5 toneladas de camarões especiais para abastecer a residência oficial e a casa de veraneio do governo do Estado.

O escândalo nacional fez com que Roseana Sarney cancelasse a compra de lagostas, assim como, agora, Michel Temer cancelou a licitação da comilança interplanetária. Só que Roseana, de imediato, tascou uma licitação no valor de R$ 1,4 milhão para se entupir de champanhes, vinhos e uísques internacionais a serem consumidos em 1.000 copos e taças de cristal, acompanhados de caviar russo, petiscos de carne de sol, bolinhas de bacalhau norueguês, patinhas de caranguejo, cortes de filé mignon e saladas de camarões, com a exigência de que os ocasionais convivas pisassem em tapetes persas.

Somente o fim desse torneio de gulodices intergalácticas com dinheiro público, com o advento do governo Flávio Dino, rendeu ao Maranhão uma economia de mais de 300 milhões de reais. Devidamente aplicados em saúde, educação e agricultura familiar.

Temer também come muito. E come bem, pouco se lixando se os funcionários públicos do Rio de Janeiro vivem o constrangimento de receber cestas básicas publicamente em pleno Natal. O arsenal de comilanças geladas do presidente sem votos incluía 500 potinhos de sorvetes Haagen Dazs, 50 cornetos, 50 picolés Tablito 50 Chicabon, 50 Eskibon, 50 Frutilis, 300 picolés sem lactose, 120 potes de nutella e 4 tipos diferentes de geleia. Dava para gripar o exército nazista inteiro durante a segunda guerra mundial.

E acrescente-se aí 2.100 cones de água de coco, 500 capsulas de café ao custo de 18.300 reais, tortas de chocolate ao custo de 96 mil reais, iogurte grego e sal do Himalaia, tão caro que nem é salgado, num total de 170 itens alimentícios no intervalo e acompanhamento dos almoços e jantares aeroespaciais.

Os pratos principais devem ser “Funcionário Público ao Molho de Previdência” e “Desempregados Acebolados, Grelhados ao Molho de Propina”, um alimento também muito consumido na ilha de Curupu, do ex-senador José Sarney, segundo informações dos melhores chefs de cuisines da delação premiada no Brasil.


Então, quem come mais? Michel Temer ou Roseana Sarney? E quem come mais dinheiro público dos dois?

Reviravolta: Zé Vieira assume prefeitura de Bacabal

Primeiro colocado nas urnas, mas com um rosário de denúncias de crimes de improbidade administrativa, o prefeito eleito de Bacabal, Zé Vieira (PR), será empossado na próxima semana.

A posse dele estava condicionada a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que acatou a representação da coligação de Vieira, garantindo a posse.

Vieira teve o mandato questionado pelo adversário, Roberto Costa (PMDB), devido a uma condenação já transitado em julgado por improbidade administrativa.

No último dia 21, a defesa de Zé Vieira ajuizou, junto ao Tribunal Superior Eleitor (TSE), tutela provisória de urgência antecipada com pedido liminar a fim de que fosse determinada a diplomação do prefeito e vice-prefeito de Bacabal/MA, eleitos nas eleições 2016, com atribuição de efeito suspensivo ao Recurso Especial Eleitoral protocolizado nos autos do RE nº 187- 25.2016.6.10.0013/MA – Registro de Candidatura, perante o Tribunal Regional do Maranhão, até decisão definitiva pelo TSE, onde figuram como recorridos o Ministério Público Eleitoral e a Coligão “Bacabal Rumo ao Futuro”, formada pelos partidos PMDB, PSDB, PV, DEM, PDT, PT, PMB, PSB e REDE.

Na justificativa ao pedido, os advogados de Zé Vieira alegaram que a coligação adversária vinha apresentando recursos para evitar que o caso chegasse TSE. “Contudo, a Coligação adversária protocolizou na data de ontem (20/12/2016) Agravo Interno e novos Embargos de Declaração, o que não deixam dúvidas quanto à nítida intenção de retardar o envio do Especial ao Tribunal Superior Eleitoral. A litigância de má-fé se dá pela clara oposição de resistência injustificada ao regular andamento do processo e interposição de recurso com intuito manifestamente protelatório, na forma do artigo 80, incisos IV e VII, do Código de Processo Civil4, pelo que se requer o deferimento da presente medida”, ressalta a defesa de Zé Vieira.

Contra Zé Vieira existem seis condenações junto ao Tribunal de Contas da União transitadas em julgados, além de outra do Tribunal de Justiça, todas por improbidade administrativa. No caso das decisões do TCU por tratar de desvio de recursos federais e por ser soberana, é definitiva, as quais não podem ser derrubadas por decisão de 2/3 da Câmara de Vereadores.

Mulher e amante tramaram morte de embaixador da Grécia

PM confessou o crime e relatou participação de um primo e de outro homem, que delataram a viúva. Polícia pede prisão dos quatro suspeitos

O policial militar Sérgio Gomes Moreira
Filho, envolvido na morte do embaixador
da Grécia no Rio de Janeiro
A Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) está pedindo, no plantão judiciário, a decretação da prisão preventiva de quatro suspeitos de terem tramado a morte do embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis, de 59 anos, que estava desaparecido desde a última segunda-feira. O corpo foi encontrado dentro de um carro carbonizado no Arco Metropolitano, em Nova Iguaçu. Entre os envolvidos estão a viúva do diplomata, Françoise Amiridis, e um policial militar que seria seu amante.

O soldado Sérgio Gomes Moreira Filho, de 29 anos, lotado na UPP do Morro do Fallet, confessou o crime depois que os investigadores mostraram que tinham em mãos uma filmagem dele entrando e saindo da casa no grego, em Nova Iguaçu, na noite do crime. Para os agentes, ele ainda não contou toda a verdade, mas admitiu participação no assassinato. Assim que a prisão for decretada, a Polícia Civil dará uma entrevista coletiva para dar mais detalhes do caso.
O site de VEJA apurou, no entanto, que a trama para matar o embaixador grego começou a partir do dia 22, quando ele e a mulher tiveram uma briga dentro de casa. Ela teria sido agredida e decidido se vingar. “A partir daí ela contou para o PM, que era amante dela, e eles tramaram o crime”, explica um investigador.

Em depoimento prestado na tarde desta quinta-feira, a mulher do embaixador contou que o marido estava em casa e decidiu sair sem dizer para onde ia na última segunda-feira. O casal morava em Brasília e estava passando férias em Nova Iguaçu. Cônsul-geral da Grécia no Rio de 2001 a 2004, Amiridis assumiu o posto de embaixador da Grécia no Brasil há um ano. 

Município de Pinheiro é acionado pela Justiça para sanar deficiências na rede de saúde

A pedido do Ministério Público do Maranhão, a Justiça determinou, em 22 de dezembro, como medida liminar, que o município de Pinheiro regularize o atendimento oferecido nos hospitais Materno Infantil e Antenor Abreu.

A medida foi motivada pela comprovação do atraso no pagamento de salários de médicos e funcionários.
Formulou a Ação Civil Pública, com o pedido liminar, o promotor de justiça Frederico Bianchini Joviano dos Santos. A decisão foi assinada pelo juiz Lúcio Paulo Fernandes Soares.
A Justiça determinou, também, que o Município garanta o fornecimento de insumos e medicamentos necessários aos atendimentos, além de estrutura física e humana para que a correta prestação dos serviços.
Pela decisão, o prefeito de Pinheiro, Filomeno Mendes Neto, e o secretário municipal de Saúde, Fábio Silva Nascimento, têm 24 horas, após notificação, para regularizar e garantir atendimento nos hospitais.
Em caso de descumprimento, a multa diária é de R$ 2 mil.
IRREGULARIDADES
Em denúncia feita à Promotoria de Justiça, foi citado que o atendimento médico em Pinheiro havia piorado muito após a derrota do atual prefeito nas últimas eleições.
Em resposta à notificação enviada pelo Ministério Público no início de dezembro, o secretário de Saúde de Pinheiro, Fábio Silva Nascimento, informou que “os atendimentos de urgência e emergência estavam normais e que os pacientes não urgentes estavam sendo atendidos por outros setores da saúde do município.”
Entretanto, após a realização de inspeção nos hospitais e informações prestadas pelo Conselho Regional de Medicina, constatou-se a falta de pagamento dos salários de médicos e funcionários da rede municipal de saúde. Com isso, muitos faltavam ao trabalho e o atendimento à população foi prejudicado.

Diante dos problemas, o MPMA ajuizou Ação Civil Pública contra o Município de Pinheiro

BOFITI EXECUTADO A TIROS EM SUA SERRALHERIA EM FRENTE A PRAÇA SÃO JOSÉ



Bofilo dentro de sua oficina poucos minutos após a sua execução
Por volta das 15;30 Vitima de execução Bofiti como era conhecido no bairro do Fomento precisamente em sua Serralheria  foi executado por dois ocupante em uma Moto, a guarnição da policia foi informado do homicida mais os executores já tinha se invadido  do local. A guarnição de serviço vai em busca de algumas informações no intuito de captura os acusados da execução. As informações que o Blog obteve que o mesmo foi executado por motivo de acerto de conta.
Aguardem informações.

Homem mata ex-mulher com tiro na cabeça em Imperatriz

Peritos do IML recolhem o corpo de Elizelda Vieira (detalhe à esquerda),
vítima do ex-marido, à direita (Foto: Divulgação)
Um homem identificado como Clodoaldo da Silva Alves, de 36 anos, matou com um tiro na cabeça a sua ex-companheira, Elizelda Vieira de Paulo Alves, de 29 anos. O crime aconteceu na manhã desta segunda-feira (26), na cidade de Imperatriz, região tocantina do estado.
Após o delito, Clodoaldo Alves fugiu em um veículo modelo Toyota Corolla. A polícia já iniciou as investigações para localizar e prender o suspeito, mas até o iníco da manhã desta terça-feira ele ainda não havia sido localizado.
Execução

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da cidade de Imperatriz. De acordo com o delegado Eduardo Galvão, da Delegacia Regional, Clodoaldo Alves e Elizelda Vieira estavam separados há cerca de um mês.

Na manhã de ontem, o executor estava em um hotel na Rua Leôncio Pires Dourado, no bairro Bacuri, quando a sua ex-companheira chegou ao local e, após uma discussão, Clodoaldo da Silva empunhou uma arma de fogo e disparou contra a mulher.

Após o crime, o autor do disparo fugiu. Um inquérito já foi instaurado pela polícia para esclarecer as circunstâncias do crime.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado. No entanto, a vítima já estava sem vida quando a ambulância chegou. O corpo da mulher foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), em Imperatriz e em seguida foi liberado para a família.

Tentativa em São Luís

Já no bairro da Santa Efigênia foi registrada uma tentativa de homicídio. A vítima foi identificada como Valterlir Moreira Cordeiro e a autora foi a sua companheira, Graciele Castro de Jesus. O caso foi registrado na Rua 14 naquele bairro, no domingo do Natal.

Uma patrulha do 6º BPM foi acionada via Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) e, chegando ao local, encontrou a vítima agonizando no chão com uma perfuração de faca no pescoço.

Valterlir Moreira foi socorrido e levado para o Hospital Socorrão II.

Rondas foram feitas pela localidade e Graciele Castro, encontrada pela polícia algumas ruas depois Após ser presa, a suspeita foi levada para o Plantão da Cidade Operária, onde foi autuada em flagrante.­­ 

Mulher que matou namorado em Bacabal se apresenta e alega legítima defesa

Joseilda Silva Santos, de 33 anos de idade, que, no último domingo (25),  assassinou, em Bacabal, seu companheiro Kadson de Souza Lima, de 32 anos, se apresentou no 1º DP ao delegado Bruno Figueiredo Aguiar, na manhã desta terça feira (27).
Segundo a Polícia Civil, Por não haver o flagrante e nem mandado de prisão em seu desfavor, Joseilda foi apens interrogada.
Ela sustentou a legitima defesa, alegando que Kadson chegou em sua casa e passou a lhe agredir fisicamente, ocasião em que pegou uma faca de serra para se defender, porém,  diz que não se recorda o momento exato que atingiu a vítima no pescoço.

EX-DEP. JOSÉ GENÉSIO RECEBE TÍTULO DE CIDADÃO IGARAPEENSE!!!


Fonte Instagram; LUCIANO GENESIO
A justa homenagem é outorgada ao ex-parlamentar como reconhecimento pelo seu trabalho a favor do jovem município. Igarapé do Meio foi emancipado da cidade de Vitória do Mearim, em 1996, através de um projeto de autoria do homenageado e ex-prefeito de Pinheiro José Genésio.
A cerimônia aconteceu na noite de hoje (28) na câmara de vereadores da cidade, e foram muitas as manifestações de carinho e apreço por Genésio que também recebeu o título de cidadão Igarapeense.
Estiveram na cerimônia os vereadores da cidade, muitas lideranças locais e de Pinheiro foram prestigiar o evento o prefeito eleito Luciano Genésio, vice Stelio Cordeiro, os secretários e ainda os vereadores Lucas do Beiradão, Edinildo Rodrigues e Elizeu de Tantam.
O prefeito Luciano ao se pronunciar, falou das dificuldades que ele passou para chegar a prefeitura, relembrou as derrotas que construíram sua vitória e agradeceu ao seu pai, José Genésio, pelo apoio que sempre prestou. Luciano continuou falando do orgulho que sente pelo pai e relembrou as palavras ditas em sua diplomação no último dia 19, que ele foi eleito Prefeito para resgatar Pinheiro do caos que se encontra, mas junto com isso, ele vai honra o nome de sua família que foi extremamente martirizado ao longo de 16 anos. Luciano concluiu agradecendo a hospitalidade e reforçou que a jovem cidade de Igarapé do Meio pode contar com Pinheiro pelos próximos anos.
Em sua fala, o homenageado falou da felicidade que passava nesse momento, pois o reconhecimento pelo seu trabalho é o mais gratificante, Genésio agradeceu à todos os vereadores pela homenagem e concluiu lembrando de toda sua luta na vida pública, dos grandes projetos que teve a oportunidade de fazer, assim como esse que criou a cidade de Igarapé do Meio.