Assassino de músico no Rio de Janeiro é preso pela Polícia Civil do Maranhão na cidade de Viana

O músico Felipe Coutinho de Souza foi assassinado a golpes de chave de fenda durante uma briga de trânsito no dia 11 de fevereiro
A Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da 6ª  DRPC de Viana,  prendeu na manhã desta quarta-feira (19), no bairro Vinagre, Girlan Azevedo Cardoso, de 29 anos, em em cumprimento a mandado de prisão temporária decretada pela Justiça do Estado do Rio de Janeiro.
Segundo informações da Polícia Civil do RJ, o preso seria autor do crime de homicídio que vitimou o músico Felipe Coutinho de Souza, de 32 anos, assassinado com uma chave de fenda, em razão de uma briga de trânsito. O caso teve ampla repercussão no Rio de Janeiro. 
A Polícia Civil do RJ, logo após o comunicado da prisão do assassino, parabenizou a atuação dos policiais do Maranhão.
Participaram dos levantamentos e prisão os IPCs Aristides, Ronildo, Paulo e Washington da regional de Viana. Também auxiliaram na prisão os inspetores Nunes e Paulo, ambos da Delegacia Regional de Timon.
O assassinato do músico
Felipe Coutinho de Souza, de 32 anos, integrante do grupo Zoasamba, foi assassinato na noite de sábado (11), na Mangueira, Zona Norte do Rio. Segundo a Polícia Civil, após se envolver em uma briga de trânsito na Rua Santos Melo, ao lado do Viaduto da Mangueira.
O sambista havia deixado a quadra da escola no fim da noite e manobrava seu carro quando foi fechado por um motorista de uma Kombi, que o abordou em seguida. Após a discussão, o homem atingiu Felipe no peito com uma chave de fenda e fugiu.
A vítima chegou a ser encaminhada para o Hospital Municipal Souza Aguiar, mas não resistiu aos ferimentos.  Felipe era filho de Rixxa, vocalista do bloco Timoneiros da Viola. (via Blog do Gilberto Lima)
Share:

Blog Archive

Blog Willian Redondo - WhatsApp - (98) 9966-8347

Blog Willian Redondo - WhatsApp - (98) 9966-8347
E-mail: willian.redondoombrods@gmail.com