Em Portugal, papa Francisco declara santos dois pastorinhos de Fátima

Cem anos depois de garantirem ter visto a Virgem Maria, os pequenos irmãos pastores Francisco e Jacinta foram declarados santos neste sábado pelo Papa no santuário português de Fátima, diante de meio milhão de fiéis emocionados.
“Declaramos e definimos como santos os beatos Francisco Marto e Jacinta Marto”, disse o papa Francisco na missa de canonização diante da Basílica de Nossa Senhora de Fátima, cuja esplanada gigante estava lotada de peregrinos, alguns com lágrimas nos olhos, procedentes de todo o mundo.
No santuário, que estava sob fortes medidas de segurança, se reuniram 500 mil fiéis, de acordo com o Vaticano, abaixo das estimativas iniciais, que previam entre 800.000 e um milhão de visitantes.
Os pequenos pastores, humildes e analfabetos, morreram de gripe espanhola aos dez e nove anos, respectivamente, alguns anos depois de terem visto em 1917 seis aparições da mãe de Jesus. Ambos, enterrados na Basílica de Fátima, tornam-se os santos mais jovens da Igreja Católica que não morreram em martírio.
“Como um exemplo para nós, temos diante dos olhos São Francisco Marto e Santa Jacinta”, que com sua fé na Virgem receberam “a força para superar as adversidades e os sofrimentos”, disse o Papa em sua homilia.
“Fátima é, sobretudo, este manto de Luz que nos cobre, tanto aqui quanto em qualquer outra parte da terra”, explicou Jorge Bergoglio, muito devotado à Virgem.
Share:

Blog Archive

Blog Willian Redondo - WhatsApp - (98) 9966-8347

Blog Willian Redondo - WhatsApp - (98) 9966-8347
E-mail: willian.redondoombrods@gmail.com